Uma mente Brilhante (A Beautiful Mind)

a-beautiful-mindSinopse
John Nash (Russell Crowe) é um gênio da matemática que, aos 21 anos, formulou um teorema que provou sua genialidade e o tornou aclamado no meio onde atuava. Entretanto,  Nash se transforma aos poucos em um sofrido e atormentado homem, que chega até mesmo a ser diagnosticado como esquizofrênico pelos médicos que o tratam. Após anos de luta para se recuperar, Nash consegue retornar à sociedade e é premiado com o Nobel de Economia.

Ficha Técnica
Ano: 2001
Direção: Ron Howard
Gênero: Drama
Origem: EUA
Tempo de Duração: 134 minutos
Atores: Russell Crowe, Ed Harris, Jennifer Connelly, Christopher Plummer e Paul Bettany

Neurociência

A esquizofrenia é um doença  mental grave que  apresenta, entre outros sintomas, alterações do pensamento, alucinações (visuais e auditivas), delírios,  perda de contato com a realidade e distúrbio social crônico. Pessoas com esquizofrenia podem escutar vozes e acreditar que outros  estão lendo e controlando seus pensamentos ou conspirando para prejudicá-las, como acontece em Uma Mente Brilhante. O filme explora o drama do desenvolvimento e efeitos da psicose em uma pessoa com esquizofrenia e como isto afeta sua família e toda a comunidade em que ela está inserida. John Nash acredita que  está sendo perseguido por agentes do governo para ajudar a quebrar um código secreto. Ele acredita fortemente em suas alucinações e conversa e discute com muitas pessoas que na verdade não existem. Conforme sua doença progride, ele se torna mais recluso e amedrontado. Após alguns anos em tratamento, John Nash aprende  a conviver com a doença e é premiado com o Nobel.

Categorias: Filmes, Neurociência. Para adicionar o texto à sua lista de favoritos, use o permalink. Envie um comentário ou deixe um trackback: URL de trackback.

2 Comentários


  1. Fatal error: Uncaught Error: Call to undefined function ereg() in /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-content/themes/thematic/library/extensions/hooks-filters.php:194 Stack trace: #0 /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-content/themes/thematic/comments.php(34): thematic_commenter_link() #1 /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-includes/comment-template.php(1512): require('/home/storage/5...') #2 /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-content/themes/thematic/single.php(38): comments_template() #3 /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-includes/template-loader.php(77): include('/home/storage/5...') #4 /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-blog-header.php(19): require_once('/home/storage/5...') #5 /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/index.php(17): require('/home/storage/5...') #6 {main} thrown in /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-content/themes/thematic/library/extensions/hooks-filters.php on line 194