Pesquisa com Animais: Sinal amarelo piscando!

O caso da invasão e liberação/roubo de animais de um laboratório em São Paulo, tive grande repercussão na mídia e até no congresso nacional. Este já se manifestou no sentido de modificar a atual legislação brasileira que regulamenta o uso de animais em pesquisa. E nós cientistas?


Avaliando o material publicado nos grandes jornais e os divulgados pelas TVs, observei dois fatos interessante: primeiro o total desconhecimento do tema por parte da maioria dos entrevistados, chegando ao cúmulo de um deputado federal dizer que os países europeus e EUA já aboliram o uso de animais em pesquisas, e o pior, sem contestação por parte do repórter; e segundo foi a ausência de uma manifestação dos pesquisadores, das entidades científicas e das autoridades ligadas a ciência.
Com certeza este episódio em São Paulo vai estimular o crescimento de um movimento mais radical ligado aos direitos animais.
Recentemente foi descoberto um movimento criado via redes sociais com o objetivo de invadir e liberar os ratos do biotério da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina).
Até onde este movimento vai? Sabemos até onde ele pode ir, mas também sabemos como fazer para que este movimento siga outro rumo.
A primeira atitude que devemos tomar é a de participar do debate e não sermos arrogante, não devemos ficar escondidos nos muros da acadêmia.
A sociedade que está lá fora está sendo informado por setores radicais ou desinformados. E esta mesma sociedade está dentro da acadêmia.
O debate tem que ser aberto e claro. Temos de mostrar o que nós cientistas estamos fazendo para reduzir os danos aos animais, que nós já não utilizamos animais no ensino e em muitas pesquisas. Que hoje temos uma rede nacional que é financiada pelo CNPq para pesquisar e desenvolver métodos alternativos ao uso de animais em pesquisas (A Rede Nacional de Métodos Alternativos (RENAMA) ao uso de animais foi criada recentemente através da portaria nº 491, de 03.07.2012 do Ministério de ciência, Tecnologia e inovação (MCTI) – http://renama.org.br/).
Por outro lado, nós cientistas temos que respeitar aqueles que pensam diferente, e também entender que quem defende os direitos animais não são terroristas, embora alguns usem de meios violentos, mas estes são minorias. Pode não ser possível mudar a opinião de um ativista do direito animal, mas poderemos esclarecer a sociedade. Este é o nosso papel, como cientistas e educadores. Afinal, é a sociedade que custeia as nossas pesquisas e o nosso salário, então devemos, por uma questão de gratidão e ética, conversarmos com a sociedade.
Assim como lutamos por ma energia limpa, sem uso de combustível fóssil, também temos os princípios dos 3 Rs (Reduction ou Redução, reflete a obtenção de nível equiparável de informação com o uso de menos animais; Refinement ou Refinamento promove o alívio ou a minimização da dor, sofrimento ou estresse do animal; Replacement ou Substituição, estabelece que um determinado objetivo seja alcançado sem o uso de animais vertebrados vivos), ainda não chegamos nestes objetivos, ainda usamos petróleo em nossas industrias e meios de transporte e também animais em pesquisa, mas todos queremos um futuro diferente.

Categorias: Eventos e tags: , . Para adicionar o texto à sua lista de favoritos, use o permalink. Envie um comentário ou deixe um trackback: URL de trackback.

2 Comentários


  1. Fatal error: Uncaught Error: Call to undefined function ereg() in /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-content/themes/thematic/library/extensions/hooks-filters.php:194 Stack trace: #0 /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-content/themes/thematic/comments.php(34): thematic_commenter_link() #1 /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-includes/comment-template.php(1512): require('/home/storage/5...') #2 /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-content/themes/thematic/single.php(38): comments_template() #3 /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-includes/template-loader.php(77): include('/home/storage/5...') #4 /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-blog-header.php(19): require_once('/home/storage/5...') #5 /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/index.php(17): require('/home/storage/5...') #6 {main} thrown in /home/storage/5/54/f3/blog250/public_html/wp-content/themes/thematic/library/extensions/hooks-filters.php on line 194